domingo, 21 de janeiro de 2018

De Pés Feridos

Prossegue adiante, embora os pés feridos,
No peito, o coração descompassado,
Por visões do Infinito atormentado
Nos escuros caminhos percorridos...

Tendo só por consolo os teus gemidos,
Caminha pelas dores alquebrado,
Sorvendo o vinho em fel transfigurado
A transbordar da taça dos vencidos...

Por sob o pranto de teus olhos baços,
Contempla a luz que te norteia os passos,
Sem desviar-te da senda necessária...

Não te esqueças, nas lutas do caminho,
Procurando da Terra o Excelso Ninho,
Toda ascensão é árdua e solitária!...

Eurícledes Formiga

(Página recebida pelo médium Carlos A. Baccelli, em reunião pública do Lar Espírita “Pedro e Paulo”, na manhã de sábado do dia 20 de janeiro de 2018, em Uberaba – MG).



3 comentários:

  1. Aff!!! irmão Formiga. Essa foi para mim. Obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Formiga!!

    Obrigado, linda poesia que nos impulsiona a ter coragem e fé!!

    Muito obrigado!!
    Fiquemos com o BOM DEUS!! \O/

    Carlos A. Gomes

    ResponderExcluir
  3. Cadichon Pirilampo22 de janeiro de 2018 09:04

    Bom dia, Amigos Espirituais visíveis e invisíveis! Amor, Luz e Paz! Iniciamos a semana com a lembrança poética de Eurícledes Formiga a respeito de nossa caminhada neste abençoado Planeta Espiritual chamado Terra como "...Toda ascensão é árdua e solitária!..", mesmo "de pés feridos" nas estradas da vida existencial física! Um abraço fraternal! Cadichon Pirilampo (09:01)!!!

    ResponderExcluir